Novas receitas

O rei da Bélgica não está feliz com a nova campanha do Burger King

O rei da Bélgica não está feliz com a nova campanha do Burger King

A monarquia belga não é sobre a mais recente campanha publicitária da rede de fast-food

A rede de fast-food chegará ao país da Europa Ocidental no mês que vem.

Burger KingA mais recente campanha publicitária da empresa colocou-o em maus lençóis com o rei Philippe da Bélgica, quando a rede de fast-food pediu aos belgas que votassem online e "coroasse" como o verdadeiro líder do país na preparação para seu lançamento no exterior.

De acordo com Reuters, representantes do King Philippe entraram em contato com a empresa-mãe do Burger King, Restaurant Brands International, e disse que uma imagem de uma versão em quadrinhos do rei não poderia ser usada para o comércio.

“Dissemos a eles que não estávamos felizes com o fato de eles usarem uma imagem do rei em sua campanha”, disse Pierre-Emmanuel De Bauw, porta-voz do rei, à Reuters.

No anúncio interativo, o Burger King avisa: “Dois Reis. Uma coroa. Quem vai governar? Vote agora ... ”Se alguém escolher o rei Filipe, o anúncio terá respostas que incluem:“ Tem certeza ...? Ele não vai cozinhar batatas fritas para você. ”

Shana Van den Broeck, porta-voz da Burger Brands Belgium, disse que pode haver uma chance de a empresa mudar o anúncio.

“Estamos deliberando sobre como proceder”, disse ela. “Se fizéssemos uma mudança em nossa campanha, comunicaríamos isso.”

Para ler cerca de 10 coisas que você não sabia sobre o Burger King, clique aqui.


"Refeições reais" do Burger King - Uau, muito para desfazer lá

O mais recente truque publicitário do Burger King é, como muitas outras manobras de fast food antes dele, um golpe no McDonald's. E é possível vê-lo assim, e sozinho. O Real Meals, disponível a partir de hoje em locais BK selecionados em Austin, Seattle, Miami, Los Angeles e Nova York, pode ser pedido em um dos cinco modos possíveis - Pissed Meal, Blue Meal, Salty Meal, YAAAS Meal e DGAF Meal —Porque “ninguém está feliz o tempo todo”. Pegue? Gosta de refeições felizes?

As refeições reais são basicamente apenas caixas nas quais as refeições combinadas Whopper são colocadas, e não são voltadas especificamente para crianças, nenhum brinquedo ou saco de Apple Dippers está envolvido, e eu não consigo imaginar a BK promovendo algo chamado Refeição DGAF para crianças pequenas. Portanto, é apenas um truque, dirigido aproximadamente ao McDonald's. Simples.

A adorável festa de aniversário infantil do Taco Bell envia Retirar equipe na espiral da vergonha

Natalie Grove pediu uma coisa para o Natal. Quando chegou a hora de fazer uma lista para o Papai Noel, “Todos ...

No entanto, devo admitir com relutância que há mais coisas acontecendo lá. Certa vez, escrevi sobre como o aniversário de um adorável boneco Taco Bell enviou o Retirar pessoal em uma espiral de vergonha total e, embora haja muito menos vergonha nesta espiral em particular, o efeito foi uma não menos confusa senhora da matemática no meu cérebro cansado. Vamos desempacotar isso.

Por um lado, isso é idiota. Direito? A mordaça do Popeye's Emotional Support Chicken também era apenas uma caixa de papelão projetada para conter comida normal do Popeye, mas pelo menos aquela 1) era específica para aeroportos, não um punhado de grandes cidades, 2) tinha a vantagem de fornecer uma alça, que pode ser útil quando você está esperando para embarcar em um avião e fazer malabarismos com todos os tipos de coisas; 3) foi muito engraçado e até fofo, se formos honestos. Eles são meio fofos, supomos, mas não são tão engraçados.

Por outro lado, é não deveria ser tão engraçado, porque de alguma forma, a ideia da Real Meal também é surpreendentemente atenciosa? O Burger King programou especificamente essa campanha para maio, porque maio é o Mental Health Awareness Month, e a empresa fez parceria com a Mental Health America para trazê-la à vida - uma organização que é "a organização sem fins lucrativos de base comunitária líder do país, dedicada a atender às necessidades de aqueles que vivem com doenças mentais e promovem a saúde mental geral de todos os americanos ”, de acordo com um comunicado à imprensa.

A ideia que eles estão explorando aqui é aquela que também é um golpe para o McDonald's: "Ninguém está feliz o tempo todo." Aquilo é um fato verídico. Há essa pressão para ser "feliz", quando o que muitas vezes queremos dizer com feliz é "atraente e bem-sucedido e juntos e definitivamente não comendo um Kit Kat no café da manhã enquanto suando de estresse sobre como estou atrasado porque estive doente durante todo o fim de semana e tudo o que quero fazer é jogar videogame e assistir os Blazers ganharem um jogo do playoff, mas nem sempre podemos conseguir o que queremos, o que há de errado comigo, por que não consigo fazer meu cabelo parecer um cabelo de pessoa normal, não importa? estou indo muito bem, pessoal. ”

Portanto, qualquer coisa que diga às pessoas, e especificamente aos jovens, que é normal sentir-se de várias maneiras, ser uma bagunça às vezes, é um coisa muito boa.

Por outro lado, isso não é apenas comercializar vulnerabilidade emocional? Marcas não são seus amigos ™, então como devo me sentir bem por BK me dizendo que não há problema em ficar furioso ou deprimido ou qualquer outra coisa? Eles não estão apenas usando minha bagunça para vender batatas fritas?

E na quarta mão totalmente normal, se eles estão usando minha bagunça para vender batatas fritas, então por que atacar o McDonald's? O vídeo acima - filmado, como enfatizou um comunicado à imprensa, em 35 mm, então este comercial BK e a órtese de Alex Ross Perry O cheiro dela têm algo em comum - argumenta que você deve "sentir do seu jeito", traçando uma linha entre a saúde emocional e o velho slogan "faça do seu jeito". E se esse é o argumento, então por que atacar o McDonald's? Existem muitas peças aqui.

Em um registro quinto Por outro lado, acho que isso me fez fazer um monte de perguntas a mim mesmo e ao mundo e Happy Meals e a importância de filmar comerciais em filme e quem era o diretor de fotografia daquele comercial, então talvez tenha cumprido seu dever.

De qualquer forma, o Burger King quer vender Whoppers em uma caixa de novidades. Feliz quarta-feira.


"Refeições reais" do Burger King - Uau, muito para desfazer lá

O truque publicitário mais recente do Burger King é, como muitas outras manobras de fast food antes dele, um golpe no McDonald's. E é possível vê-lo assim, e sozinho. O Real Meals, disponível a partir de hoje em locais BK selecionados em Austin, Seattle, Miami, Los Angeles e Nova York, pode ser pedido em um dos cinco modos possíveis - Pissed Meal, Blue Meal, Salty Meal, YAAAS Meal e DGAF Meal —Porque “ninguém está feliz o tempo todo”. Pegue? Gosta de refeições felizes?

As refeições reais são basicamente apenas caixas nas quais as refeições combinadas Whopper são colocadas, e não são voltadas especificamente para crianças, nenhum brinquedo ou saco de Apple Dippers está envolvido, e eu não consigo imaginar a BK promovendo algo chamado Refeição DGAF para crianças pequenas. Portanto, é apenas um truque, dirigido aproximadamente ao McDonald's. Simples.

Adorável festa de aniversário infantil do Taco Bell Retirar equipe na espiral da vergonha

Natalie Grove pediu uma coisa para o Natal. Quando chegou a hora de fazer uma lista para o Papai Noel, “Todos ...

No entanto, devo admitir com relutância que há mais coisas acontecendo lá. Certa vez, escrevi sobre como o aniversário de um adorável boneco Taco Bell enviou o Retirar pessoal em uma espiral de vergonha total e, embora haja muito menos vergonha nesta espiral em particular, o efeito foi uma não menos confusa senhora da matemática em meu cérebro cansado. Vamos desempacotar isso.

Por um lado, isso é idiota. Direito? A mordaça do Popeye's Emotional Support Chicken também era apenas uma caixa de papelão projetada para conter comida normal do Popeye, mas pelo menos aquela 1) era específica para aeroportos, não um punhado de grandes cidades, 2) tinha a vantagem de fornecer uma alça, que pode ser útil quando você está esperando para embarcar em um avião e fazer malabarismos com todos os tipos de coisas; 3) foi muito engraçado e até fofo, se formos honestos. Eles são meio fofos, supomos, mas não são tão engraçados.

Por outro lado, é não deveria ser tão engraçado, porque de alguma forma, a ideia da Real Meal também é surpreendentemente atenciosa? O Burger King programou especificamente esta campanha para maio, porque maio é o Mental Health Awareness Month, e a empresa fez parceria com a Mental Health America para trazê-la à vida - uma organização que é "a organização sem fins lucrativos de base comunitária líder do país, dedicada a atender às necessidades de aqueles que vivem com doenças mentais e promovem a saúde mental geral de todos os americanos ”, de acordo com um comunicado à imprensa.

A ideia que eles estão cavando aqui é aquela que também é um golpe para o McDonald's: "Ninguém está feliz o tempo todo." Aquilo é um fato verídico. Há essa pressão para ser "feliz", quando o que muitas vezes queremos dizer com feliz é "atraente e bem-sucedido e juntos e definitivamente não comendo um Kit Kat no café da manhã enquanto suando de estresse sobre como estou atrasado porque estive doente durante todo o fim de semana e tudo o que eu quero fazer é jogar videogame e assistir os Blazers ganharem um jogo do playoff, mas nem sempre podemos conseguir o que queremos, o que há de errado comigo, por que não consigo fazer meu cabelo parecer um cabelo de pessoa normal, não importa? estou indo muito bem, pessoal. ”

Portanto, qualquer coisa que diga às pessoas, e especificamente aos jovens, que é normal sentir-se de várias maneiras, ser uma bagunça às vezes, é um coisa muito boa.

Por outro lado, isso não é apenas comercializar vulnerabilidade emocional? Marcas não são seus amigos ™, então como devo me sentir bem por BK me dizendo que não há problema em ficar furioso ou deprimido ou qualquer outra coisa? Eles não estão apenas usando minha bagunça para vender batatas fritas?

E na quarta mão totalmente normal, se eles estão usando minha bagunça para vender batatas fritas, então por que atacar o McDonald's? O vídeo acima - filmado, como enfatizou um comunicado à imprensa, em 35 mm, então este comercial BK e a órtese de Alex Ross Perry O cheiro dela têm algo em comum - argumenta que você deve "sentir do seu jeito", traçando uma linha entre a saúde emocional e o velho slogan "faça do seu jeito". E se esse é o argumento, então por que atacar o McDonald's? Existem muitas peças aqui.

Em um registro quinto Por outro lado, acho que me fez fazer um monte de perguntas a mim mesmo e ao mundo e Happy Meals e a importância de filmar comerciais em filme e quem era o diretor de fotografia daquele comercial, então talvez tenha cumprido seu dever.

De qualquer forma, o Burger King quer vender Whoppers em uma caixa de novidades. Feliz quarta-feira.


"Refeições reais" do Burger King - Uau, muito para desfazer lá

O mais recente truque publicitário do Burger King é, como muitas outras manobras de fast food antes dele, um golpe no McDonald's. E é possível vê-lo assim, e sozinho. O Real Meals, disponível a partir de hoje em locais BK selecionados em Austin, Seattle, Miami, Los Angeles e Nova York, pode ser pedido em um dos cinco modos possíveis - Pissed Meal, Blue Meal, Salty Meal, YAAAS Meal e DGAF Meal —Porque “ninguém está feliz o tempo todo”. Pegue? Gosta de refeições felizes?

As refeições reais são basicamente apenas caixas nas quais as refeições combinadas Whopper são colocadas, e não são voltadas especificamente para crianças, nenhum brinquedo ou saco de Apple Dippers está envolvido, e eu não consigo imaginar a BK promovendo algo chamado Refeição DGAF para crianças pequenas. Portanto, é apenas um truque, dirigido aproximadamente ao McDonald's. Simples.

Adorável festa de aniversário infantil do Taco Bell Retirar equipe na espiral da vergonha

Natalie Grove pediu uma coisa para o Natal. Quando chegou a hora de fazer uma lista para o Papai Noel, “Todos ...

No entanto, devo admitir com relutância que há mais coisas acontecendo lá. Certa vez, escrevi sobre como o aniversário de um adorável boneco Taco Bell enviou o Retirar equipe em uma espiral de vergonha total e, embora haja muito menos vergonha nesta espiral em particular, o efeito foi uma não menos confusa senhora da matemática no meu cérebro cansado. Vamos desempacotar isso.

Por um lado, isso é idiota. Direito? A mordaça do Popeye's Emotional Support Chicken também era apenas uma caixa de papelão projetada para conter a comida normal do Popeye, mas pelo menos aquela 1) era específica para aeroportos, não um punhado de grandes cidades, 2) tinha a vantagem de fornecer uma alça, que pode ser útil quando você está esperando para embarcar em um avião e fazer malabarismos com todos os tipos de coisas; 3) foi muito engraçado e até fofo, se formos honestos. Eles são meio fofos, supomos, mas não são tão engraçados.

Por outro lado, é não deveria ser tão engraçado, porque de alguma forma, a ideia da Real Meal também é surpreendentemente atenciosa? O Burger King programou especificamente esta campanha para maio, porque maio é o Mental Health Awareness Month, e a empresa fez parceria com a Mental Health America para trazê-la à vida - uma organização que é "a organização sem fins lucrativos de base comunitária líder do país, dedicada a atender às necessidades de aqueles que vivem com doenças mentais e promovem a saúde mental geral de todos os americanos ”, de acordo com um comunicado à imprensa.

A ideia que eles estão explorando aqui é aquela que também é um golpe para o McDonald's: "Ninguém está feliz o tempo todo." Aquilo é um fato verídico. Há essa pressão para ser "feliz", quando o que muitas vezes queremos dizer com feliz é "atraente e bem-sucedido e juntos e definitivamente não comendo um Kit Kat no café da manhã enquanto suando de estresse sobre como estou atrasado porque estive doente durante todo o fim de semana e tudo o que quero fazer é jogar videogame e assistir os Blazers ganharem um jogo do playoff, mas nem sempre podemos conseguir o que queremos, o que há de errado comigo, por que não consigo fazer meu cabelo parecer um cabelo de pessoa normal, não importa? estou indo muito bem, pessoal. ”

Portanto, qualquer coisa que diga às pessoas, e especificamente aos jovens, que é normal sentir-se de várias maneiras, ser uma bagunça às vezes, é um coisa muito boa.

Por outro lado, isso não é apenas comercializar vulnerabilidade emocional? Marcas não são seus amigos ™, então como devo me sentir bem por BK me dizendo que não há problema em ficar furioso ou deprimido ou qualquer outra coisa? Eles não estão apenas usando minha bagunça para vender batatas fritas?

E na quarta mão totalmente normal, se eles estão usando minha bagunça para vender batatas fritas, então por que atacar o McDonald's? O vídeo acima - filmado, como enfatizou um comunicado à imprensa, em 35 mm, então este comercial BK e a órtese de Alex Ross Perry O cheiro dela têm algo em comum - argumenta que você deve "sentir do seu jeito", traçando uma linha entre a saúde emocional e o velho slogan "faça do seu jeito". E se esse é o argumento, então por que atacar o McDonald's? Existem muitas peças aqui.

Em um registro quinto Por outro lado, acho que isso me fez fazer um monte de perguntas a mim mesmo e ao mundo e Happy Meals e a importância de filmar comerciais em filme e quem era o diretor de fotografia daquele comercial, então talvez tenha cumprido seu dever.

De qualquer forma, o Burger King quer vender Whoppers em uma caixa de novidades. Feliz quarta-feira.


"Refeições reais" do Burger King - Uau, muito para desfazer lá

O truque publicitário mais recente do Burger King é, como muitas outras manobras de fast food antes dele, um golpe no McDonald's. E é possível vê-lo assim, e sozinho. O Real Meals, disponível a partir de hoje em locais BK selecionados em Austin, Seattle, Miami, Los Angeles e Nova York, pode ser pedido em um dos cinco modos possíveis - Pissed Meal, Blue Meal, Salty Meal, YAAAS Meal e DGAF Meal —Porque “ninguém está feliz o tempo todo”. Pegue? Gosta de refeições felizes?

As Refeições Reais são basicamente apenas caixas nas quais as refeições combinadas Whopper são colocadas e não são especificamente destinadas a crianças, nenhum brinquedo ou saco de Apple Dippers está envolvido, e eu não consigo imaginar a BK promovendo algo chamado Refeição DGAF para crianças pequenas. Portanto, é apenas um truque, dirigido aproximadamente ao McDonald's. Simples.

A adorável festa de aniversário infantil do Taco Bell envia Retirar equipe na espiral da vergonha

Natalie Grove pediu uma coisa para o Natal. Quando chegou a hora de fazer uma lista para o Papai Noel, “Todos ...

No entanto, devo admitir com relutância que há mais coisas acontecendo lá. Certa vez, escrevi sobre como o aniversário de um adorável boneco Taco Bell enviou o Retirar pessoal em uma espiral de vergonha total e, embora haja muito menos vergonha nesta espiral em particular, o efeito foi uma não menos confusa senhora da matemática no meu cérebro cansado. Vamos desempacotar isso.

Por um lado, isso é idiota. Direito? A mordaça do Popeye's Emotional Support Chicken também era apenas uma caixa de papelão projetada para conter a comida normal do Popeye, mas pelo menos aquela 1) era específica para aeroportos, não um punhado de grandes cidades, 2) tinha a vantagem de fornecer uma alça, que pode ser útil quando você está esperando para embarcar em um avião e fazendo malabarismos com todos os tipos de coisas; 3) foi muito engraçado e até fofo, se formos honestos. Eles são meio fofos, supomos, mas não são tão engraçados.

Por outro lado, é não deveria ser tão engraçado, porque de alguma forma, a ideia da Real Meal também é surpreendentemente atenciosa? O Burger King programou especificamente esta campanha para maio, porque maio é o Mental Health Awareness Month, e a empresa fez parceria com a Mental Health America para trazê-la à vida - uma organização que é "a organização sem fins lucrativos de base comunitária líder do país, dedicada a atender às necessidades de aqueles que vivem com doenças mentais e promovem a saúde mental geral de todos os americanos ”, de acordo com um comunicado à imprensa.

A ideia que eles estão cavando aqui é aquela que também é um golpe para o McDonald's: "Ninguém está feliz o tempo todo." Aquilo é um fato verídico. Há essa pressão para ser "feliz", quando o que muitas vezes queremos dizer com feliz é "atraente e bem-sucedido e juntos e definitivamente não comendo um Kit Kat no café da manhã enquanto suando de estresse sobre como estou atrasado porque estive doente durante todo o fim de semana e tudo o que quero fazer é jogar videogame e assistir os Blazers ganharem um jogo do playoff, mas nem sempre podemos conseguir o que queremos, o que há de errado comigo, por que não consigo fazer meu cabelo parecer um cabelo de pessoa normal, não importa? estou indo muito bem, pessoal. ”

Portanto, qualquer coisa que diga às pessoas, e especificamente aos jovens, que é normal sentir-se de várias maneiras, ser uma bagunça às vezes, é um coisa muito boa.

Por outro lado, isso não é apenas comercializar vulnerabilidade emocional? Marcas não são seus amigos ™, então como devo me sentir bem por BK me dizendo que não há problema em ficar furioso ou deprimido ou qualquer outra coisa? Eles não estão apenas usando minha bagunça para vender batatas fritas?

E na quarta mão totalmente normal, se eles estão usando minha bagunça para vender batatas fritas, então por que atacar o McDonald's? O vídeo acima - filmado, como enfatizou um comunicado à imprensa, em 35 mm, então este comercial BK e a órtese de Alex Ross Perry O cheiro dela têm algo em comum - argumenta que você deve "sentir do seu jeito", traçando uma linha entre a saúde emocional e o velho slogan "faça do seu jeito". E se esse é o argumento, então por que atacar o McDonald's? Existem muitas peças aqui.

Em um registro quinto Por outro lado, acho que isso me fez fazer um monte de perguntas a mim mesmo e ao mundo e Happy Meals e a importância de filmar comerciais em filme e quem era o diretor de fotografia daquele comercial, então talvez tenha cumprido seu dever.

De qualquer forma, o Burger King quer vender Whoppers em uma caixa de novidades. Feliz quarta-feira.


"Refeições reais" do Burger King - Uau, muito para desfazer lá

O mais recente truque publicitário do Burger King é, como muitas outras manobras de fast food antes dele, um golpe no McDonald's. E é possível vê-lo assim, e sozinho. O Real Meals, disponível a partir de hoje em locais BK selecionados em Austin, Seattle, Miami, Los Angeles e Nova York, pode ser pedido em um dos cinco modos possíveis - Pissed Meal, Blue Meal, Salty Meal, YAAAS Meal e DGAF Meal —Porque “ninguém está feliz o tempo todo”. Pegue? Gosta de refeições felizes?

As Refeições Reais são basicamente apenas caixas nas quais as refeições combinadas Whopper são colocadas e não são especificamente destinadas a crianças, nenhum brinquedo ou saco de Apple Dippers está envolvido, e eu não consigo imaginar a BK promovendo algo chamado Refeição DGAF para crianças pequenas. Portanto, é apenas um truque, dirigido aproximadamente ao McDonald's. Simples.

Adorável festa de aniversário infantil do Taco Bell Retirar equipe na espiral da vergonha

Natalie Grove pediu uma coisa para o Natal. Quando chegou a hora de fazer uma lista para o Papai Noel, “Todos ...

No entanto, devo admitir com relutância que há mais coisas acontecendo lá. Certa vez, escrevi sobre como o aniversário de um adorável boneco Taco Bell enviou o Retirar pessoal em uma espiral de vergonha total e, embora haja muito menos vergonha nesta espiral em particular, o efeito foi uma não menos confusa senhora da matemática no meu cérebro cansado. Vamos desempacotar isso.

Por um lado, isso é idiota. Direito? A mordaça do Popeye's Emotional Support Chicken também era apenas uma caixa de papelão projetada para conter comida normal do Popeye, mas pelo menos aquela 1) era específica para aeroportos, não um punhado de grandes cidades, 2) tinha a vantagem de fornecer uma alça, que pode ser útil quando você está esperando para embarcar em um avião e fazendo malabarismos com todos os tipos de coisas; 3) foi muito engraçado e meio fofo, se formos honestos. Eles são meio fofos, supomos, mas não são tão engraçados.

Por outro lado, é não deveria ser tão engraçado, porque de alguma forma, a ideia da Real Meal também é surpreendentemente atenciosa? O Burger King programou especificamente essa campanha para maio, porque maio é o Mental Health Awareness Month, e a empresa fez parceria com a Mental Health America para trazê-la à vida - uma organização que é "a principal organização sem fins lucrativos de base comunitária dedicada a atender às necessidades de aqueles que vivem com doenças mentais e promovem a saúde mental geral de todos os americanos ”, de acordo com um comunicado à imprensa.

A ideia que eles estão cavando aqui é aquela que também é um golpe para o McDonald's: "Ninguém está feliz o tempo todo." Aquilo é um fato verídico. Existe essa pressão para ser "feliz", quando o que muitas vezes queremos dizer com feliz é "atraente e bem-sucedido e juntos e definitivamente não comendo um Kit Kat no café da manhã enquanto suando de estresse sobre como estou atrasado porque estive doente durante todo o fim de semana e tudo o que eu quero fazer é jogar videogame e assistir os Blazers ganharem um jogo do playoff, mas nem sempre podemos conseguir o que queremos, o que há de errado comigo, por que não consigo fazer meu cabelo parecer um cabelo de pessoa normal, não importa? estou indo muito bem, pessoal. ”

Portanto, qualquer coisa que diga às pessoas, e especificamente aos jovens, que é normal sentir-se de várias maneiras, ser uma bagunça às vezes, é um coisa muito boa.

Por outro lado, isso não é apenas comercializar vulnerabilidade emocional? Marcas não são seus amigos ™, então como devo me sentir bem por BK me dizendo que não há problema em ficar furioso ou deprimido ou qualquer outra coisa? Eles não estão apenas usando minha bagunça para vender batatas fritas?

E na quarta mão totalmente normal, se eles estão usando minha bagunça para vender batatas fritas, então por que atacar o McDonald's? O vídeo acima - filmado, como enfatizou um comunicado à imprensa, em 35 mm, então este comercial BK e a órtese de Alex Ross Perry O cheiro dela têm algo em comum - argumenta que você deve "sentir do seu jeito", traçando uma linha entre a saúde emocional e o velho slogan "faça do seu jeito". E se esse é o argumento, então por que atacar o McDonald's? Existem muitas peças aqui.

Em um registro quinto Por outro lado, acho que me fez fazer um monte de perguntas a mim mesmo e ao mundo e Happy Meals e a importância de filmar comerciais em filme e quem era o diretor de fotografia desse comercial, então talvez tenha cumprido o seu dever.

De qualquer forma, o Burger King quer vender Whoppers em uma caixa de novidades. Feliz quarta-feira.


"Refeições reais" do Burger King - Uau, muito para desfazer lá

O truque publicitário mais recente do Burger King é, como muitas outras manobras de fast food antes dele, um golpe no McDonald's. E é possível vê-lo assim, e sozinho. O Real Meals, disponível a partir de hoje em locais BK selecionados em Austin, Seattle, Miami, Los Angeles e Nova York, pode ser pedido em um dos cinco modos possíveis - Pissed Meal, Blue Meal, Salty Meal, YAAAS Meal e DGAF Meal —Porque “ninguém está feliz o tempo todo”. Pegue? Gosta de refeições felizes?

As refeições reais são basicamente apenas caixas nas quais as refeições combinadas Whopper são colocadas, e não são especificamente destinadas a crianças, nenhum brinquedo ou saco de Apple Dippers está envolvido, e eu não consigo imaginar a BK promovendo algo chamado Refeição DGAF para crianças pequenas. Portanto, é apenas um truque, dirigido aproximadamente ao McDonald's. Simples.

Adorável festa de aniversário infantil do Taco Bell Retirar equipe na espiral da vergonha

Natalie Grove pediu uma coisa para o Natal. Quando chegou a hora de fazer uma lista para o Papai Noel, “Todos ...

No entanto, devo admitir com relutância que há mais coisas acontecendo lá. Certa vez, escrevi sobre como o aniversário de um adorável boneco Taco Bell enviou o Retirar equipe em uma espiral de vergonha total e, embora haja muito menos vergonha nesta espiral em particular, o efeito foi uma não menos confusa senhora da matemática no meu cérebro cansado. Vamos desempacotar isso.

Por um lado, isso é idiota. Direito? A mordaça do Popeye's Emotional Support Chicken também era apenas uma caixa de papelão projetada para conter a comida normal do Popeye, mas pelo menos aquela 1) era específica para aeroportos, não um punhado de grandes cidades, 2) tinha a vantagem de fornecer uma alça, que pode ser útil quando você está esperando para embarcar em um avião e fazendo malabarismos com todos os tipos de coisas; 3) foi muito engraçado e meio fofo, se formos honestos. Eles são meio fofos, supomos, mas não são tão engraçados.

Por outro lado, é não deveria ser tão engraçado, porque de alguma forma, a ideia da Real Meal também é surpreendentemente atenciosa? O Burger King programou especificamente esta campanha para maio, porque maio é o Mental Health Awareness Month, e a empresa fez parceria com a Mental Health America para trazê-la à vida - uma organização que é "a organização sem fins lucrativos de base comunitária líder do país, dedicada a atender às necessidades de aqueles que vivem com doenças mentais e promovem a saúde mental geral de todos os americanos ”, de acordo com um comunicado à imprensa.

A ideia que eles estão cavando aqui é aquela que também é um golpe para o McDonald's: "Ninguém está feliz o tempo todo." Aquilo é um fato verídico. Existe essa pressão para ser "feliz", quando o que muitas vezes queremos dizer com feliz é "atraente e bem-sucedido e juntos e definitivamente não comendo um Kit Kat no café da manhã enquanto suando de estresse sobre como estou atrasado porque estive doente durante todo o fim de semana e tudo o que eu quero fazer é jogar videogame e assistir os Blazers ganharem um jogo do playoff, mas nem sempre podemos conseguir o que queremos, o que há de errado comigo, por que não consigo fazer meu cabelo parecer um cabelo de pessoa normal, não importa? estou indo muito bem, pessoal. ”

Portanto, qualquer coisa que diga às pessoas, e especificamente aos jovens, que é normal sentir-se de várias maneiras, ser uma bagunça às vezes, é um coisa muito boa.

Por outro lado, isso não é apenas comercializar vulnerabilidade emocional? Marcas não são seus amigos ™, então como devo me sentir bem por BK me dizendo que não há problema em ficar furioso ou deprimido ou qualquer outra coisa? Eles não estão apenas usando minha bagunça para vender batatas fritas?

E na quarta mão totalmente normal, se eles estão usando minha bagunça para vender batatas fritas, então por que atacar o McDonald's? O vídeo acima - filmado, como enfatizou um comunicado à imprensa, em 35 mm, então este comercial BK e a órtese de Alex Ross Perry O cheiro dela têm algo em comum - argumenta que você deve "sentir do seu jeito", traçando uma linha entre a saúde emocional e o velho slogan "faça do seu jeito". E se esse é o argumento, então por que atacar o McDonald's? Existem muitas peças aqui.

Em um registro quinto Por outro lado, acho que me fez fazer um monte de perguntas a mim mesmo e ao mundo e Happy Meals e a importância de filmar comerciais em filme e quem era o diretor de fotografia desse comercial, então talvez tenha cumprido o seu dever.

De qualquer forma, o Burger King quer vender Whoppers em uma caixa de novidades. Feliz quarta-feira.


"Refeições reais" do Burger King - Uau, muito para desfazer lá

O mais recente truque publicitário do Burger King é, como muitas outras manobras de fast food anteriores, um golpe no McDonald's. E é possível vê-lo assim, e sozinho. O Real Meals, disponível a partir de hoje em locais BK selecionados em Austin, Seattle, Miami, Los Angeles e Nova York, pode ser pedido em um dos cinco modos possíveis - Pissed Meal, Blue Meal, Salty Meal, YAAAS Meal e DGAF Meal —Porque “ninguém está feliz o tempo todo”. Pegue? Gosta de refeições felizes?

As refeições reais são basicamente apenas caixas nas quais as refeições combinadas Whopper são colocadas, e não são especificamente voltadas para crianças, nenhum brinquedo ou saco de Apple Dippers está envolvido, e eu não consigo imaginar a BK promovendo algo chamado refeição DGAF para crianças pequenas. Portanto, é apenas um truque, dirigido aproximadamente ao McDonald's. Simples.

Adorável festa de aniversário infantil do Taco Bell Retirar equipe na espiral da vergonha

Natalie Grove pediu uma coisa para o Natal. Quando chegou a hora de fazer uma lista para o Papai Noel, “Todos ...

No entanto, devo admitir com relutância que há mais coisas acontecendo lá. Certa vez, escrevi sobre como o aniversário de um adorável boneco Taco Bell enviou o Retirar equipe em uma espiral de vergonha total e, embora haja muito menos vergonha nesta espiral em particular, o efeito foi uma não menos confusa senhora da matemática no meu cérebro cansado. Vamos desempacotar isso.

Por um lado, isso é idiota. Direito? A mordaça do Popeye's Emotional Support Chicken também era apenas uma caixa de papelão projetada para conter comida normal do Popeye, mas pelo menos aquela 1) era específica para aeroportos, não um punhado de grandes cidades, 2) tinha a vantagem de fornecer uma alça, que pode ser útil quando você está esperando para embarcar em um avião e fazer malabarismos com todos os tipos de coisas; 3) foi muito engraçado e até fofo, se formos honestos. Eles são meio fofos, supomos, mas não são tão engraçados.

Por outro lado, é não deveria ser tão engraçado, porque de alguma forma, de alguma forma, a ideia da Real Meal também é surpreendentemente atenciosa? O Burger King programou especificamente esta campanha para maio, porque maio é o Mental Health Awareness Month, e a empresa fez parceria com a Mental Health America para trazê-la à vida - uma organização que é "a organização sem fins lucrativos de base comunitária líder do país, dedicada a atender às necessidades de aqueles que vivem com doenças mentais e promovem a saúde mental geral de todos os americanos ”, de acordo com um comunicado à imprensa.

A ideia que eles estão cavando aqui é aquela que também é um golpe para o McDonald's: "Ninguém está feliz o tempo todo." Aquilo é um fato verídico. Há essa pressão para ser "feliz", quando o que muitas vezes queremos dizer com feliz é "atraente e bem-sucedido e juntos e definitivamente não comendo um Kit Kat no café da manhã enquanto suando de estresse sobre como estou atrasado porque estive doente durante todo o fim de semana e tudo o que quero fazer é jogar videogame e assistir os Blazers ganharem um jogo do playoff, mas nem sempre podemos conseguir o que queremos, o que há de errado comigo, por que não consigo fazer meu cabelo parecer um cabelo de pessoa normal, não importa? estou indo muito bem, pessoal. ”

Portanto, qualquer coisa que diga às pessoas, e especificamente aos jovens, que é normal sentir-se de várias maneiras, ser uma bagunça às vezes, é um coisa muito boa.

Por outro lado, isso não é apenas comercializar vulnerabilidade emocional? Marcas não são seus amigos ™, então como devo me sentir bem por BK me dizendo que não há problema em ficar furioso ou deprimido ou qualquer outra coisa? Eles não estão apenas usando minha bagunça para vender batatas fritas?

E na quarta mão totalmente normal, se eles estão usando minha bagunça para vender batatas fritas, então por que atacar o McDonald's? O vídeo acima - filmado, como enfatizou um comunicado à imprensa, em 35 mm, então este comercial BK e a órtese de Alex Ross Perry O cheiro dela have something in common—makes the argument that you should “feel your way,” drawing a line between emotional health and the old slogan “have it your way.” And if that’s the argument, then why make it a jab at McDonald’s? There are just too many pieces here.

On a record quinto hand, I guess it made me ask a bunch of questions of myself and the world and Happy Meals and the importance of shooting commercials on film and who the DP of that commercial was, so perhaps it did its job.

Anyway, Burger King wants to sell you Whoppers in a novelty box. Happy Wednesday.


Burger King’s “Real Meals”—Wow, a lot to unpack there

Burger King’s latest publicity gimmick is, like many a fast food stunt before it , a bit of a swipe at McDonald’s. And it’s possible to view it as that, and that alone. Real Meals, available starting today at select BK locations in Austin, Seattle, Miami, Los Angeles, and New York City, can be ordered in one of five possible moods—Pissed Meal, Blue Meal, Salty Meal, YAAAS Meal, and DGAF Meal—because “no one is happy all the time.” Pegue? Like Happy Meals?

The Real Meals are basically just boxes into which Whopper combo meals are placed, and aren’t specifically aimed at kids no toy or bag of Apple Dippers is involved, and I can’t imagine BK marketing something called the DGAF Meal to tiny children. So it’s just a gimmick, roughly aimed at McDonald’s. Simples.

Adorable kid’ s Taco Bell birthday party sends Takeout staff into shame spiral

Natalie Grove asked for one thing for Christmas. When it came time to make a list for Santa, “All…

Yet I must begrudgingly admit that there’s more going on there. I once wrote about how an adorable moppet’s Taco Bell birthday sent the Takeout staff into a total shame spiral, and while there’s a lot less shame in this particular spiral, the effect was a no-less-confused math lady on my tired brain. Vamos desempacotar isso.

One one hand, this is dumb. Direito? The Popeye’s Emotional Support Chicken gag was also just a cardboard box designed to hold regular Popeye’s food, but at least that one 1) was specific to airports, not a handful of large cities, 2) had the advantage of providing a handle, which can be useful when you’re waiting to board an airplane and juggling all kinds of things, 3) was pretty funny and kind of cute, if we’re honest. These are sort of cute, we suppose, but they’re not all that funny.

On the other hand, it’s not supposed to be all that funny, because somehow, some way, the Real Meal idea is also surprisingly thoughtful? Burger King specifically timed this campaign to May, because May is Mental Health Awareness Month, and the company partnered with Mental Health America to bring it to life—an organization that’s “the nation’s leading community-based non-profit dedicated to addressing the needs of those living with mental illness and to promoting the overall mental health of all Americans,” per a press release.

The idea that they’re digging into here is the one that’s also a jab at McDonald’s: “No one is happy all the time.” That is a true fact. There’s this pressure to be “happy,” when what we often mean by happy is “attractive and successful and together and definitely not eating a Kit Kat for breakfast while stress-sweating about how behind I am because I was sick all weekend and all I want to do is play video games and watch the Blazers win a playoff game but we can’t always get what we want, what’s wrong with me, why can’t I get my hair to look like normal-person hair, never mind I am doing great, guys.”

So anything that tells people, and young people specifically, that it’s okay to feel many kinds of ways, to be a mess sometimes, is a very good thing.

On the weird third hand, isn’t this just commercializing emotional vulnerability? Brands Are Not Your Friends™, so how good should I feel about BK telling me it’s okay to be furious or depressed or whatever else? Aren’t they just using my mess to sell fries?

And on the totally normal fourth hand, if they estão using my mess to sell fries, then why make it a jab at McDonald’s? The video above—shot, as a press release emphasized, on 35mm, so this BK commercial and Alex Ross Perry’s bracing Her Smell have something in common—makes the argument that you should “feel your way,” drawing a line between emotional health and the old slogan “have it your way.” And if that’s the argument, then why make it a jab at McDonald’s? There are just too many pieces here.

On a record quinto hand, I guess it made me ask a bunch of questions of myself and the world and Happy Meals and the importance of shooting commercials on film and who the DP of that commercial was, so perhaps it did its job.

Anyway, Burger King wants to sell you Whoppers in a novelty box. Happy Wednesday.


Burger King’s “Real Meals”—Wow, a lot to unpack there

Burger King’s latest publicity gimmick is, like many a fast food stunt before it , a bit of a swipe at McDonald’s. And it’s possible to view it as that, and that alone. Real Meals, available starting today at select BK locations in Austin, Seattle, Miami, Los Angeles, and New York City, can be ordered in one of five possible moods—Pissed Meal, Blue Meal, Salty Meal, YAAAS Meal, and DGAF Meal—because “no one is happy all the time.” Pegue? Like Happy Meals?

The Real Meals are basically just boxes into which Whopper combo meals are placed, and aren’t specifically aimed at kids no toy or bag of Apple Dippers is involved, and I can’t imagine BK marketing something called the DGAF Meal to tiny children. So it’s just a gimmick, roughly aimed at McDonald’s. Simples.

Adorable kid’ s Taco Bell birthday party sends Takeout staff into shame spiral

Natalie Grove asked for one thing for Christmas. When it came time to make a list for Santa, “All…

Yet I must begrudgingly admit that there’s more going on there. I once wrote about how an adorable moppet’s Taco Bell birthday sent the Takeout staff into a total shame spiral, and while there’s a lot less shame in this particular spiral, the effect was a no-less-confused math lady on my tired brain. Vamos desempacotar isso.

One one hand, this is dumb. Direito? The Popeye’s Emotional Support Chicken gag was also just a cardboard box designed to hold regular Popeye’s food, but at least that one 1) was specific to airports, not a handful of large cities, 2) had the advantage of providing a handle, which can be useful when you’re waiting to board an airplane and juggling all kinds of things, 3) was pretty funny and kind of cute, if we’re honest. These are sort of cute, we suppose, but they’re not all that funny.

On the other hand, it’s not supposed to be all that funny, because somehow, some way, the Real Meal idea is also surprisingly thoughtful? Burger King specifically timed this campaign to May, because May is Mental Health Awareness Month, and the company partnered with Mental Health America to bring it to life—an organization that’s “the nation’s leading community-based non-profit dedicated to addressing the needs of those living with mental illness and to promoting the overall mental health of all Americans,” per a press release.

The idea that they’re digging into here is the one that’s also a jab at McDonald’s: “No one is happy all the time.” That is a true fact. There’s this pressure to be “happy,” when what we often mean by happy is “attractive and successful and together and definitely not eating a Kit Kat for breakfast while stress-sweating about how behind I am because I was sick all weekend and all I want to do is play video games and watch the Blazers win a playoff game but we can’t always get what we want, what’s wrong with me, why can’t I get my hair to look like normal-person hair, never mind I am doing great, guys.”

So anything that tells people, and young people specifically, that it’s okay to feel many kinds of ways, to be a mess sometimes, is a very good thing.

On the weird third hand, isn’t this just commercializing emotional vulnerability? Brands Are Not Your Friends™, so how good should I feel about BK telling me it’s okay to be furious or depressed or whatever else? Aren’t they just using my mess to sell fries?

And on the totally normal fourth hand, if they estão using my mess to sell fries, then why make it a jab at McDonald’s? The video above—shot, as a press release emphasized, on 35mm, so this BK commercial and Alex Ross Perry’s bracing Her Smell have something in common—makes the argument that you should “feel your way,” drawing a line between emotional health and the old slogan “have it your way.” And if that’s the argument, then why make it a jab at McDonald’s? There are just too many pieces here.

On a record quinto hand, I guess it made me ask a bunch of questions of myself and the world and Happy Meals and the importance of shooting commercials on film and who the DP of that commercial was, so perhaps it did its job.

Anyway, Burger King wants to sell you Whoppers in a novelty box. Happy Wednesday.


Burger King’s “Real Meals”—Wow, a lot to unpack there

Burger King’s latest publicity gimmick is, like many a fast food stunt before it , a bit of a swipe at McDonald’s. And it’s possible to view it as that, and that alone. Real Meals, available starting today at select BK locations in Austin, Seattle, Miami, Los Angeles, and New York City, can be ordered in one of five possible moods—Pissed Meal, Blue Meal, Salty Meal, YAAAS Meal, and DGAF Meal—because “no one is happy all the time.” Pegue? Like Happy Meals?

The Real Meals are basically just boxes into which Whopper combo meals are placed, and aren’t specifically aimed at kids no toy or bag of Apple Dippers is involved, and I can’t imagine BK marketing something called the DGAF Meal to tiny children. So it’s just a gimmick, roughly aimed at McDonald’s. Simples.

Adorable kid’ s Taco Bell birthday party sends Takeout staff into shame spiral

Natalie Grove asked for one thing for Christmas. When it came time to make a list for Santa, “All…

Yet I must begrudgingly admit that there’s more going on there. I once wrote about how an adorable moppet’s Taco Bell birthday sent the Takeout staff into a total shame spiral, and while there’s a lot less shame in this particular spiral, the effect was a no-less-confused math lady on my tired brain. Vamos desempacotar isso.

One one hand, this is dumb. Direito? The Popeye’s Emotional Support Chicken gag was also just a cardboard box designed to hold regular Popeye’s food, but at least that one 1) was specific to airports, not a handful of large cities, 2) had the advantage of providing a handle, which can be useful when you’re waiting to board an airplane and juggling all kinds of things, 3) was pretty funny and kind of cute, if we’re honest. These are sort of cute, we suppose, but they’re not all that funny.

On the other hand, it’s not supposed to be all that funny, because somehow, some way, the Real Meal idea is also surprisingly thoughtful? Burger King specifically timed this campaign to May, because May is Mental Health Awareness Month, and the company partnered with Mental Health America to bring it to life—an organization that’s “the nation’s leading community-based non-profit dedicated to addressing the needs of those living with mental illness and to promoting the overall mental health of all Americans,” per a press release.

The idea that they’re digging into here is the one that’s also a jab at McDonald’s: “No one is happy all the time.” That is a true fact. There’s this pressure to be “happy,” when what we often mean by happy is “attractive and successful and together and definitely not eating a Kit Kat for breakfast while stress-sweating about how behind I am because I was sick all weekend and all I want to do is play video games and watch the Blazers win a playoff game but we can’t always get what we want, what’s wrong with me, why can’t I get my hair to look like normal-person hair, never mind I am doing great, guys.”

So anything that tells people, and young people specifically, that it’s okay to feel many kinds of ways, to be a mess sometimes, is a very good thing.

On the weird third hand, isn’t this just commercializing emotional vulnerability? Brands Are Not Your Friends™, so how good should I feel about BK telling me it’s okay to be furious or depressed or whatever else? Aren’t they just using my mess to sell fries?

And on the totally normal fourth hand, if they estão using my mess to sell fries, then why make it a jab at McDonald’s? The video above—shot, as a press release emphasized, on 35mm, so this BK commercial and Alex Ross Perry’s bracing Her Smell have something in common—makes the argument that you should “feel your way,” drawing a line between emotional health and the old slogan “have it your way.” And if that’s the argument, then why make it a jab at McDonald’s? There are just too many pieces here.

On a record quinto hand, I guess it made me ask a bunch of questions of myself and the world and Happy Meals and the importance of shooting commercials on film and who the DP of that commercial was, so perhaps it did its job.

Anyway, Burger King wants to sell you Whoppers in a novelty box. Happy Wednesday.


Assista o vídeo: Burn that ad burger king by David Sao Paulo Brazil Agency (Janeiro 2022).